Biscoito de polvilho frito – Em 5 minutos na panela de pressão

Que tal um cafezinho da tarde, ou até mesmo pela manhã, com esses biscoitinhos deliciosos?

INGREDIENTES E MODO DE PREPARO NO VÍDEO ABAIXO:

Gostou? Comenta e compartilha!

INFORMAÇÕES ADICIONAIS:

Qual é a diferença entre polvilho doce e azedo nas receitas?

Em função da diferença do teor de acidez, esses dois ingredientes apresentam sabor e aroma distintos e reagem de forma diferente quando adicionados a uma receita. Por isso, não é recomendável substituir um pelo outro. De sabor suave, o polvilho doce confere elasticidade aos pratos, funcionando como uma espécie de cola que dá liga aos demais ingredientes. Por isso, ele é indicado para o preparo de biscoitos, tapiocas e pães que necessitam de uma textura mais cremosa. Em função de suas características, se usado sozinho no pão de queijo, por exemplo, o polvilho doce resultará em pãezinhos de formato redondo, compactos e massudos, que se tornam “borrachudos” quando esfriam.

O polvilho azedo, como o próprio nome indica, tem um sabor mais ácido do que o doce, o que confere um gosto mais intenso às preparações. Além disso, ele permite que se formem bolhas de ar dentro da massa, fazendo o papel do fermento, de modo que ela cresça mais e fique mais leve. Dessa forma, o pão de queijo feito com polvilho azedo apresenta grandes “buracos” em seu interior, podendo até mesmo ficar oco. Assim, seu crescimento faz com que ele fique deformado em vez de redondo, além de ser mais seco e ter o sabor mais marcante. Em função dessas características, é comum que diversas receitas levem os dois tipos de polvilho, de maneira a obter um equilíbrio entre as propriedades de cada produto.

Pão de queijo crocante com polvilho doce e azedo

Para que seu pão de queijo cresça bastante, tenha um sabor intenso e ao mesmo tempo mantenha o formato redondo e não fique seco nem massudo, a dica é misturar polvilho azedo e doce na hora do preparo. Confira a receita: Ingredientes

500 g de polvilho doce Caldo Bom
500 g de polvilho azedo Caldo Bom
600 ml de leite
200 ml de óleo
3 ovos
1 xícara de queijo ralado
Sal a gosto
Óleo para untar.

Modo de preparo:

Misture o polvilho doce e o polvilho azedo Caldo Bom em uma tigela grande, acrescente o sal e reserve;
Leve o leite e o óleo para ferver e despeje-os bem quentes sobre o polvilho, mexendo até misturar;
Espere a mistura esfriar e adicione os ovos e o queijo ralado;
A massa vai ficar bem grudenta. Sove-a com as mãos até ela parar de grudar e se soltar da tigela;
Faça as bolinhas, coloque em uma forma untada e leve para assar em forno pré-aquecido a 200 graus por cerca de 30 minutos.
Essa receita rende de 60 a 80 pães de queijo. Se quiser congelar a massa crua, leve as bolinhas ao freezer em uma assadeira e, depois de congeladas, transfira-as para um saco plástico. Para assar, basta tirar do freezer e levar ao forno. Agora que você sabe qual é a diferença entre polvilho doce e azedo, fica mais fácil entender o papel desses ingredientes nas receitas e você poderá modificar suas quantidades conforme o resultado desejado. Boa sorte e bom apetite!


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*